ALVARENGA MARQUES

“Gosto de brincar com as imagens e criar tensões, concentrar a atenção em alguns ícones pela oposição de outros mais cógnitos.

Atualmente, utilizo com frequência figuras como estrelas pop ou objetos muito reconhecíveis em comparação com imagens típicas, regionais ou tribais.

Neste contexto, por vezes, cria-se uma atmosfera estranha e inesperada cuja intenção é a de ‘prender’ o observador e leva-lo a questionar-se. Abordo os temas de modo lúdico, e muitas vezes irónico.

Executo nas telas rabiscos, garatujas ou grafismos como forma de ‘pichação’ e que de igual modo, pode ser visto como forma de interferir ou perverter a realidade, de ocupar um território,…. o da minha imaginação."

 

Alvarenga Marques

ALVARENGA MARQUES (Al.Ma.)- é uma artista Portuguesa nascida em  Moçambique, onde passou a maior parte da sua infância.

 

Atualmente vive e trabalha no Porto.

 

Obteve uma Licenciatura em Pintura em 1992, pela então Escola Superior de Belas Artes do Porto

Repartida entre o ensino e a criação plástica, tem vindo a explorar preferencialmente as potencialidades permitidas na Pintura.

 

Participou em diversas exposições coletivas e eventos desde 1988, Portugal, Alemanha, Brasil, França, Espanha, Canada, etc.

 

Realizou várias exposições individuais em Portugal e recebeu prémios e distinções tanto em Portugal como no estrangeiro.

 

Alvarenga Marques ou Alma, deriva de uma geração de artistas que ao longo dos últimos vinte, trinta anos, fazendo frente a um mundo visual saturado, optou pela apropriação e reciclagem de imagens de natureza diversa. No entanto, a sua inclusão neste grupo é discutível, dado que, em vez de seguir a via usual do roubo incondicional de referências, citações históricas e respetiva reciclagem resultante numa dispersão de significado, o seu caso tem vindo a revelar uma orientação idiossincrática restrita.

 

Que Alma nos queira embevecer com o mundo da infância pode parecer, em flagrante, o seu propósito. Mas ainda que à primeira vista se evidencie aqui uma boa imitação da tendência infantil, compulsiva, para escrever e pintar nas superfícies mais impróprias, o vandalismo da autora, só aparentemente inocente, vai obviamente bem mais longe….

Neste espaço fluido, transparente e teatral manifesta-se uma interação de mútua influência gráfica e plástica – entre a pulsação de fundo (encenando a realidade) e os desenhos que se lhe sobrepõe (paradigmáticos do imaginário infantil). Desta agitação resulta a força expressiva de um ambiente metafísico, de nostalgia e tempo perdido….

 

Os trabalhos de Alma, sem artifícios decorativos e cativantes pelo impacto da imagem abrangente da superfície total, são sobretudo intrigantes pela eficácia técnica plenamente conseguida e generosamente orientada para a construção do sentido.

OBRAS

'By air mail' 2013 (99×99)cm

'Fetish' 2015  (120×80)cm

'Voodoo Child' 2013 (100×100)cm

'DreamWorld' 2014 (100×135)cm

Oldest Times' 2015 (99×99)cm

Ring my Bell' ,2014 (110×110)cm

'Voodoo Child' 2015 (100×100)cm

Para mais informações sobre estas obras por favor contacte-nos através do seguinte e-mail: portugalnow2015@gmail.com

© BORDERLAND 2016

Mara Alves PortugArt Founder

Tel: +44 (0) 7425089060

E-mail: portugalnow2015@gmail.com

SOCIAL MEDIA

Com o apoio da Embaixada Portuguesa